Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 14 de março de 2017. Atualizado às 20h04.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

energia

Alterada em 14/03 às 20h07min

Temer vai verificar se nomeados para Itaipu são ex-dirigentes partidários

O presidente Michel Temer divulgou nota nesta terça-feira (14), à noite na qual diz que vai verificar se dois dos cinco nomes que foram nomeados para ocupar a diretoria executiva da Itaipu Binacional são ex-dirigentes partidários ou não. Caso sejam, Temer garantiu que vai substituí-los, uma vez que a Lei de Estatais, aprovada no seu governo, não permite que quem já atuou na "estrutura decisória" de partidos políticos nos últimos 36 meses assuma cargos em empresas estatais.
A nota de Temer é uma resposta a reportagem publicada em janeiro pelo jornal O Globo, que afirma que Rubens de Camargo Penteado, nomeado para ser diretor-técnico executivo, integrou o diretório estadual do PPS paranaense até o dia 23 de junho de 2016, e que Ramiro Wahrhaftig, indicado para ser diretor de Coordenação, fez parte do diretório do PSD paranaense até maio do ano passado.
A nomeações foram feitas nesta terça-feira por Temer e o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU). Todos terão mandato de apenas dois meses, até 16 de maio de 2017.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia