Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 11 de janeiro de 2017. Atualizado às 21h34.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Grêmio

Notícia da edição impressa de 12/01/2017. Alterada em 11/01 às 21h41min

Tricolor se reapresenta com novidades, mas sem 'El Toro'

Após o fim do jejum de 15 anos sem grandes títulos, o Grêmio se prepara para começar, de ânimo renovado, a temporada 2017. A reapresentação do plantel acontece na tarde de hoje, no CT Presidente Luiz Carvalho. As novidades são o volante Michel, que vem do Atlético-GO, e Léo Moura, que jogou pelo Santa Cruz no último Brasileirão. Muito próximo de um acerto, Leonardo, lateral-direito do Boa Esporte, também pode estar presente.
Gabriel Fernández, porém, não virá. O uruguaio, de 22 anos, realizou uma ressonância magnética que constatou lesão no joelho esquerdo. "El Toro" já havia realizado cirurgia, em 2015, para reconstrução dos ligamentos. Com isso, o Grêmio anunciou, em nota oficial, que estava desistindo do negócio. 
Jogadores emprestados no ano passado, como Yuri Mamute e Máxi Rodríguez, voltam ao clube e devem ser reavaliados. As renovações de Douglas e Pedro Rocha são vistas com otimismo, e a expectativa é que ambos participem normalmente das atividades. Por outro lado, Henrique Almeida e Wallace Oliveira estão fora dos planos. Emprestados a outros clubes, atletas como Wallace Reis, Fred e Tontini são ausências certas. Fernandinho, que negocia com o Flamengo, também não virá.
Torneio que marcaria o fim da pré-temporada gremista, a Copa dos Campeões foi cancelada. A decisão, anunciada ontem, ocorre após a perda de patrocinadores, que inviabilizou o pagamento das premiações. A competição colocaria o Grêmio em um quadrangular com os uruguaios Nacional e Peñarol, além do Olimpia, do Paraguai.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia