Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 21 de dezembro de 2016. Atualizado às 00h15.

Jornal do Comércio

JC Contabilidade

COMENTAR | CORRIGIR

Fala Profissional

Notícia da edição impressa de 21/12/2016. Alterada em 21/12 às 01h18min

A contabilidade pública pode servir de instrumento para uma sociedade mais equânime?

Idésio Coelho
Demandas sociais por transparência e eficiência na gestão pública, aliadas à necessidade de padronização do Brasil para atuação no cenário internacional, vieram exigir um novo modelo de informações da contabilidade aplicado ao setor público que permitisse maior eficiência na execução de sua função precípua e constitucional: servir à sociedade.
Nesse contexto, em 2008, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) editou o documento "Orientações Estratégicas para a Contabilidade Aplicada ao Setor Público no Brasil", no qual estabelecia, dentre outras diretrizes, o formato inicial para a convergência brasileira as Normas Internacionais de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público (IPSAS, International Public Sector Accouting Standards).
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia