Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 24 de novembro de 2016. Atualizado às 21h53.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Iraque

Notícia da edição impressa de 25/11/2016. Alterada em 24/11 às 21h09min

Ataque do Estado Islâmico mata pelo menos 80 iranianos xiitas

Um ataque com caminhão-bomba deixou mais de 80 mortos nesta quinta-feira na cidade de Hilla, 100 quilômetros ao Sul de Bagdá, capital do Iraque. A maioria das vítimas era composta de peregrinos iranianos xiitas, que faziam uma pausa em um restaurante e um posto de gasolina durante a volta ao seu país após uma cerimônia religiosa na cidade de Karbala.
O Estado Islâmico (EI) reivindicou a autoria do ataque. A organização terrorista considera que todos os xiitas são apóstatas. Alvo de uma ofensiva militar apoiada pelos Estados Unidos para ser expulso da cidade de Mossul, o EI tem intensificado seus ataques no Iraque.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia