Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 31 de outubro de 2016. Atualizado às 13h03.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Hipismo

Notícia da edição impressa de 31/10/2016. Alterada em 31/10 às 14h04min

César Almeida é tetracampeão do Best Jump

Almeida já havia vencido o tradicional concurso de saltos em 2003, 2005 e 2013

Almeida já havia vencido o tradicional concurso de saltos em 2003, 2005 e 2013


THIAGO OLIVEIRA/DIVULGAÇÃO/JC
Depois de duas horas de prova, o cavaleiro César Almeida pôde comemorar pela quarta vez o título máximo do The Best Jump 2016, principal concurso de saltos da América Latina. Montando o cavalo Zojasper Império Egípcio, ele conquistou o ouro no Grande Prêmio Cidade de Porto Alegre/Celulose Riograndense ao completar os dois percursos da prova sem faltas, atingindo 46,12s na segunda passagem. O evento, organizado pela Federação Gaúcha de Esportes Equestres, foi disputado na Sociedade Hípica Porto-Alegrense.
"É uma grande emoção vencer o Best Jump. E ainda maior quando se é o primeiro da história do concurso a fazer isso quatro vezes", vibrou Almeida. Antes do triunfo deste domingo, ele tinha conquistado o Best Jump em 2003, com Salamandra Chapman Rougue; em 2005, formando conjunto com Singular Joter; e, em 2013, montando Vanity Império Egípcio.
A prova tinha obstáculos de 1,40m e 1,60m, e dois percursos distintos. Dos 30 conjuntos qualificados para a disputa, 12 obtiveram vagas para tentar a segunda passagem. O vice-campeão foi Bruno Pessanha, que saltou com Audi's Allouette Van Het Lambroeck e teve quatro pontos perdidos, completando o segundo percurso em 43,44s. O bronze ficou com Marcelo Ciavaglia, montando Queenie, que também perdeu quatro pontos no trajeto e ultrapassou o último obstáculo da segunda volta em 44,99s.
Ontem, também foi disputada a prova N14 (obstáculos de 1,25m), com a vitória da amazona Stefânia Caramori. Em conjunto com Cachetana Jmen, ela garantiu o melhor tempo na prova de desempate ao completar o percurso em 79,51s. Já o prêmio Plaza Hotéis Resort Spa, com obstáculos de 1,35m, ficou com a amazona Gabrielle Fontoura Berges e Calandra, que também conquistaram o ouro no desempate (77,51s).

Amazona de apenas 14 anos ganha o Prêmio Jornal do Comércio

Montando a égua Cher da Boa Vista, competidora finalizou a prova em 57,47s
Montando a égua Cher da Boa Vista, competidora finalizou a prova em 57,47s
JC
Ficou com a jovem amazona gaúcha Laura Bosquirolli Tigre, de 14 anos, a vitória no Prêmio Jornal do Comércio, realizado na sexta-feira na Sociedade Hípica Porto-Alegrense. Ela conduziu a égua Cher da Boa Vista, que finalizou em 57,47s a prova N15 com obstáculos de 1,30m, disputada na pista internacional (grama). O pódio foi completado pela catarinense Gabrielle Fontoura Berger, com Calandra (60,35s) e pelo carioca Rodrigo Ullmann Lima, montando Chanta Libre Santo Antônio (64,96s).
A prova foi marcada pelo ótimo desempenho das amazonas Laura e Gabrielle, ambas da categoria pré-junior, que bateram veteranos da divisão master top, como Lima. Dos 28 conjuntos inscritos para o circuito, 26 se apresentaram de fato e 13 fizeram tempo abaixo dos 70 segundos, considerado ideal para completar a prova. O prêmio foi entregue pelo diretor comercial do JC, Luiz Borges.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia