Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 31 de outubro de 2016. Atualizado às 08h28.

Jornal do Comércio

Empresas & Negócios

COMENTAR | CORRIGIR

ensino

Notícia da edição impressa de 31/10/2016. Alterada em 28/10 às 18h50min

Escolas agora têm 'grife'

Nicho é voltado a clientes da classe A e tem foco no Ensino Fundamental

Nicho é voltado a clientes da classe A e tem foco no Ensino Fundamental


Freepik.com/Divulgação/JC
Após um recente boom no Ensino Superior, a educação básica privada - da creche ao vestibular - para a classe A se tornou o centro das atenções dos grandes grupos do setor no País. O filão, somado à demanda por novos modelos de ensino, bilíngues e que combinem alta qualidade acadêmica ao desenvolvimento do aluno de forma individualizada, está trazendo projetos em uma categoria superpremium ao mercado.
A Concept, lançada pelo Grupo SEB, que abre as primeiras unidades em Salvador (BA) e Ribeirão Preto (SP) em 2017, chegará ao Rio e a São Paulo em 2018, quando terá um centro de aprendizagem em Palo Alto, no Vale do Silício, nos EUA. No ano que vem, a Escola Eleva - projeto sob o guarda-chuva da Gera Venture Capital, fundo que tem Jorge Paulo Lemann como principal investidor - abre as portas no Rio de Janeiro.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia