Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 29 de setembro de 2016. Atualizado às 21h43.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

festival

Notícia da edição impressa de 30/09/2016. Alterada em 29/09 às 16h45min

Maratona multimídia: Festival Kino Beat é atração em Porto Alegre

Grupo Medula é uma das atrações do Kino Beat

Grupo Medula é uma das atrações do Kino Beat


SESC-RS/DIVULGAÇÃO/JC
A partir da próxima semana, Porto Alegre será palco para diversas atrações nacionais e internacionais da terceira edição do Festival Kino Beat. Além do Brasil, o evento de música e performance audiovisual reunirá artistas de outros quatro países: Suécia, Japão, Alemanha e França, entre os dias 5 e 9 de outubro. A programação, totalmente gratuita, acontece no Teatro do Sesc, no Instituto Goethe, no Theatro São Pedro, na Galeria Ecarta e Galeria Península.
O Kino Beat é um festival de música, performances audiovisuais multimídia e artes integradas. A partir dos pilares imagem (kino) e som (beat), apresenta artistas e atividades multidisciplinares que utilizam de alta e baixa tecnologia para a criação de seus trabalhos.
O experimental, o sensorial e a imersão são premissas para a composição da programação, assim como a busca por novas possibilidades e conexões artísticas. O objetivo é propor experiências, surpreender, desafiar e ser um agente estimulador para artistas locais e um ponto de conexão com o mundo. A curadoria e idealização do evento é do produtor cultural Gabriel Cevallos.
O espetáculo multimídia Forças abre o Kino Beat na próxima quarta-feira, no Teatro do Sesc, às 19h. A atração foi criada pelos 11 integrantes do grupo Medula, de Porto Alegre - os artistas são ligados ao Grupo de Pesquisa em Criação Sonora da Ufrgs.
Forças coloca em cena objetos grandes em contraste com pequenos - alguns destes, inclusive, construídos pelo grupo e colocados ao lado de outros de tecnologia já consolidada. Produz-se, assim, tanto sons acústicos quanto amplificados, estabelecendo variações de intensidade na experiência acústica ao combinar adensamentos, beats e ruídos.
As primeiras atrações internacionais se apresentam no dia 6, com os projetos Quitland e Moon Wheel, ambos da Suécia, com participação dos porto-alegrenses da Taborda, no Theatro São Pedro (Praça Marechal Deodoro, s/nº).
Na sexta-feira (7 de outubro), é a vez de o Instituto Goethe receber a performance Three Dreams, da japonesa Junko Wada e do alemão Hans Peter Kuhn. No dia 8, por sua vez, o francês Alex Augier apresenta a performance de "oqpo_oooo", no Teatro do Sesc Centro. Para encerrar a programação, no domingo (9 de outubro), o francês Vincent Moon apresentará "et/errances", também no Teatro do Sesc.
O evento é uma realização do Sistema Fecomércio-RS/Sesc e do Kino Beat, com o apoio da Embaixada da Suécia no Brasil, Aliança Francesa, Instituto Goethe, Fundação Ecarta, Theatro São Pedro e Galeria Península.
A entrada é franca, mas, para algumas atrações, é necessário retirar, com antecedência, os ingressos nos locais das apresentações. Mais informações podem ser obtidas no Sesc Centro (Alberto Bins, 665), pelo telefone (51) 3284-2070 ou pela página www.facebook.com/sescportoalegre.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia