Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 20 de julho de 2016. Atualizado às 10h39.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

20/07/2016 - 10h43min. Alterada em 20/07 às 10h43min

Dólar tem recuo moderado ante real, mas mostra força ante outras emergentes

O dólar operava em leve queda desde a abertura, em dia de agenda fraca. No exterior, no entanto, o dólar sobe ante a maioria das moedas emergentes e ligadas a commodities. As bolsas europeias e futuros de Nova Iorque mostram sinal positivo e aqui, o Ibovespa futuro estava perto da estabilidade, mas também no azul.
Às 9h25min desta quarta-feira (20), o dólar à vista caía 0,22%, a R$ 3,2517. A moeda para agosto recuava 0,09%, a R$ 3,2580.
Os futuros de petróleo mostram volatilidade e há pouco tinham queda de menos de 1%, após terem subido mais cedo. No fim desta manhã, os investidores vão acompanhar de perto a pesquisa oficial sobre estoques dos EUA (11h30), divulgada pelo Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) norte-americano.
Analistas preveem que o levantamento do DoE mostrará redução de 1,7 milhão de barris nos estoques de petróleo bruto da última semana e ligeiro declínio nos estoques de gasolina, de 100 mil barris.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia